01 de Set de 2016

Projeto incentiva alunos a desenvolver soluções para problemas urbanos

Para trabalhar protagonismo e ação social, professor coloca alunos de nono ano para pesquisar e propor soluções para trânsito, abandono de animais e lixo

Projeto incentiva alunos a desenvolver soluções para problemas urbanos

Dei aulas de filosofia para alunos do Colégio ESI São José, de Santo André (SP), por um bom tempo. Num determinado momento, eu, a coordenação e a direção da escola chegamos a um acordo para desenvolver uma atividade na qual os alunos tivessem de fato alguma intervenção na sociedade, na cidade e no entorno deles.

A partir daí, surgiu o projeto de protagonismo. No primeiro semestre do ano, apresentei a eles o que é ser protagonista, o que é intervir na sociedade. Além disso, dei aula de metodologia de pesquisa, de pesquisa científica e de análises quantitativas e qualitativas. Quando voltaram das férias de julho, os alunos se dividiram em grupos e receberam a missão de ir para a rua ou para o entorno de casa ou da escola e encontrar alguma coisa que, de alguma maneira, não os deixasse satisfeitos. A minha pergunta para eles foi “como vocês podem potencializar algum tipo de mudança?”.

Eles foram para a rua, entrevistaram pessoas, pensaram em dinâmicas de trabalho diferentes e propuseram algumas alternativas para problemas que antes eles só viam como “alguém tem que cuidar disso” ou talvez nem tinham reparado na questão.

Em Mauá, que é uma cidade muito próxima de Santo André, existe um lixão. Um grupo de alunos quis falar sobre biogás e a possibilidade da cidade usar a biomassa para produzir energia e gerar combustível para os ônibus. Para isso, eles precisaram procurar um professor de química e outro de economia. Eu passei a ser um tutor. A cada semana, eles iam trazendo informações e nós fomos montando o trabalho.

Informações de contato

(62) 3287-5508

Rua 1º de março, Nº.222, Qd.2 Lt.13 - Vila Luciana - Goiânia - GO, CEP: 74373-060 Como chegar

Contato rápido

Loading Enviando...